SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Quinta-feira, 17 Junho 2021, 03:16

“Improvisos da Alma” de Jorge Pinheiro, ali mesmo à “Esquina da Vida”

“Fazer poesia

É procurar em rima

Aquilo que apetece versejar

E escrever

O que nos vai no pensamento

Agora mesmo Já,

neste momento

Sem vacilar.

Fazer poesia é esculpir a palavra

Naquilo que apetece realçar

E escrever

Tudo o que vai na nossa mente

Agora mesmo Já,

neste presente

Sem retardar.

Fazer poesia é amar

Tudo o que gira à nossa volta,

É ser cavalo à solta

Sempre à volta

Até a nossa cabeça baralhar

É ser assim, igual a mim

Que não paro de escrever

E de pensar…”

Deste “Improviso(s) da Alma” se compõe o mais recente livro de poesia do nosso estimado colaborador, Jorge Pinheiro a ser lançado no próximo mês de outubro, na Biblioteca Municipal de Torres Novas. Fomos ao seu encontro para falarmos de poesia, de música, de recordações e memórias.

 

Ler mais na edição impressa…

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados