SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Quinta-feira, 24 Setembro 2020, 05:21

Curiosidades sobre a imagem

A imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima foi entalhada em madeira de cedro do Brasil (Cedrela odorata L.), uma espécie muito utilizada pelos santeiros, por ser de fácil entalhe. Esta madeira é pouco atacada por insetos devido aos compostos voláteis que liberta, com um efeito repelente. Através de um estudo técnico realizado em 2013 com tomografia computorizada de raioX

verificouse que a escultura é composta por vários blocos de madeira, sendo o principal oco na zona central do corpo e também na parte da cabeça. Os motivos dourados do manto são feitos com folhas de ouro de 22 e 23,5 quilates. Os olhos são de vidro. No manto estão incrustadas pedras de cristal de rocha, vidro e diamante. A imagem pesa 19 quilos e mede 104 centímetros de altura.

O ofertante pagou 220$000 pela imagem. Em maio de 1920, a vidente Lúcia viu a escultura pela primeira vez. Referiu então que “estava bem”, que “estava muito parecida”, que “estava muito bem imitada”, que o vestido, o manto e a posição das mãos, “tudo estava muito bem imitado”, mas que “Nossa Senhora era ainda mais bonita, porque Ela era branca, mas um branco que dava luz”.

Imagem sofreu alterações em 1951

A escultura de Nossa Senhora do Rosário de Fátima sofreu algumas alterações no ano de 1951, quando foi restaurada por José Ferreira Thedim, o mesmo santeiro que a esculpiu  em 1920. Foram efetuadas as seguintes alterações: as vestes foram simplificadas, verificando-se que das 3 mangas que o vestido tinha, se retirou a mais larga e aperfeiçoou a segunda que passou a ser a principal. Na primeira fotografia, o vestido apresenta duas estrelas: uma abaixo da cintura e outra quase no fundo do vestido. Apenas ficou esta última. O cinto e o fecho dos punhos do vestido interior sofreram também uma sensível modificação. Os pés, que se apoiavam sobre uma espécie de sandálias aparecem, agora. diretamente pousados na nuvem que constitui a peanha. Uma outra modificação foi no característico e devoto rosto da  Senhora que também foi retocado e afilado.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2020 © Todos os direitos reservados