SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Domingo, 13 Junho 2021, 14:30

A Festa da Taça do Ribatejo foi em Torres Novas – Riachense fez a dobradinha

 

O Estádio Municipal «Dr. Alves Vieira», em Torres Novas, foi o Palco escolhido para a Final da Taça do Ribatejo, entre o Riachense e o Alcanenense. O jogo realizou- se no passado sábado, dia 30, pelas 17h., em clima de grande festa, com cerca de dois mil espectadores a fazerem barulho na bancada principal do estádio. Todas as condições para um grande espectáculo desportivo e social.

 

O intenso calor que se fez sentir, neste dia, foi sem dúvida o «inimigo principal n.º um» para que o jogo não tivesse sido um bom espectáculo desportivo, com as três equipas em campo a sofrerem as consequências. Em final de época com os jogadores já um pouco cansados e a pensarem nas férias, não se podia exigir mais. As duas equipas jogaram aquilo que puderam, com o Riachense a ser a formação mais feliz, porque na 1.ª oportunidade que teve e após a marcação dum canto, o jovem Santana a elevar-se e a rematar de cabeça para o fundo das redes. Pareceu-nos que Cléber foi mal batido. O Riachense mostrava ser a equipa mais esclarecida, com melhores valores – Luís Carlos, Bruno Lemos, Ricardo, Marco Neves e Santana –, controlando todas as operações. Por sua vez o Alcanenense tinha algumas dificuldades na sua progressão, porque não conseguia passar do seu meio campo, ainda que tenha beneficiado de alguns cantos. A equipa de Riachos, com um ritmo de jogo moderado, era sempre a formação mais perigosa.

 

Paralelamente ao jogo, a Festa que foi proporcionada aos adeptos das duas equipas, teve bastante significado. Tudo começou com um jogo de veteranos, em que os «jovens» riachenses venceram a congénere de Alcanena, por um resultado de 3-1. Com o calor que estava e o jogo a começar às 15h., fazemos uma ideia das dificuldades que todos sentiram em «vencer» tanto calor. Depois os miúdos das duas escolas de formação, deram um ar da sua graça, com os pais a aplaudirem estes futuros «craques».

 

A Câmara de Alcanena e a Junta de Freguesia de Riachos fizeram questão de enviar para a Festa da Taça dois embaixadores da sua vida social e cultural: o Rancho Folclórico «Os Camponeses de Riachos», que se exibiu em algumas danças e onde não faltou o Fandango, agora também dançado por mulheres; e a Fanfarra dos Bombeiros Municipais de Alcanena, que se exibiram no relvado do Estádio, perante os aplausos dos adeptos.

 

 

 

Joaquim Canais Rocha

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados