SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sábado, 19 Junho 2021, 15:35

Trabalhadores do CHMT querem aumento de três euros

 

Se por um lado há medo de haver despedimentos no Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), por outro lado também se reivindicam aumentos, neste caso de 487€ para 490€, pois em tempos de austeridade todos os cêntimos contam. Embora a revindicação seja maioritariamente “silenciosa”, por haver medo de falar, um trabalhador referiu que o desejo não é só seu, e que se trata de uma questão de igualdade. Enquanto alguns trabalhadores de outros serviços foram aumentados para 490€ em 2009, os auxiliares viram a sua remuneração manter-se, situação que não é tida pelos mesmos como justa. Refere-se que a administração do CHMT não teve em conta que o novo código do trabalho também aplica descontos sobre os turnos extraordinários, situação que não acontecia anteriormente. Com mais despesas no lar, a pagar mais impostos e com a remuneração cada vez mais próxima do ordenado mínimo, a reivindicação vai no sentido de auferir mais 3€ por mês.

 

O mesmo trabalhador do CHMT referiu a “O Almonda” que quando entrou para a instituição ficou contente por entrar para uma grande empresa (o CHMT é uma entidade pública empresarial). No entanto, conforme os anos foram avançando, com as despesas domésticas a aumentar e o ordenado a manter-se, acabou por mudar de opinião.

 

João Rodrigues

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados