SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sexta-feira, 25 Junho 2021, 01:09

Escola de Equitação de Torres Novas

 

p1_cavalo_grd

A paixão pelo Cavalo Lusitano

 

Desde cedo que o pai de Rómulo Batista, o actual responsável pelo Escola de Equitação se Torres Novas, lhe passou a paixão pelo cavalo. Havia o pai, José Manuel Batista, tido a sorte de ter aprendido as lides hípicas com uma referência desta arte, o Engº Sommer de Andrade. Aí montou poldros até que o desbaste foi transferido para o alentejo. Depois, pela mão do seu mestre, travou conhecimento com os donos da Quinta das Obras, onde se criavam os cavalos do ferro Veiga.

 

A vida profissional afastou o José Batista do meio, mas a ligação ao cavalo ficou para sempre e esse gosto passou-o ao filho. Foi assim que desde muito cedo que Rómulo passou a montar a cavalo e a entrar em gincanas na Golegã. Movido pelo desejo de mais saber sobre o animal esteve dois anos a aprender com outro nome sonante do meio, Francisco Cancella d´Abreu.

 

Entretanto José Batista descobriu um cavalo que o fez ganhar vontade de criar uma linha, de puro-sangue lusitano. Esse animal passeou há pouco tempo pelas ruas da cidade de Torres Novas, tendo surgido como o “Cavalo do Rei” da Feira Medieval. Encontrar este animal foi «uma sorte» confessou Rómulo Batista, tal a sua nobreza de porte. Logo depois avançaram para a compra da mãe do Sacrário e tiveram outra vez sorte ao conseguir encontrar o pai do cavalo, tendo irmãos e irmãs dele. Estes animais tornam-se o produto da Coudelaria de Nossa Senhora do Rosário.

 

Rómulo, que entretanto se licenciou em engenharia de produção animal, contou a “O Almonda” que os cavalos têm sido seus professores, pois tem aprendido muito com eles. Quando algo de errado acontece o defeito é «99% das vezes do cavaleiro e não do cavalo» e entende que «o cavaleiro tem a obrigação de entender o animal e de corrigir o que estiver mal».

 

Luís Miguel Lopes

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados