SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Terça-feira, 15 Junho 2021, 19:10

Marta Tomé apresenta “Terra Chão”

 

O novo espectáculo de dança de Marta Tomé, co-produzido com o Teatro Virgínia, tem no milho a sua figura central, «Tudo começa a partir daí», disse a bailarina e coreógrafa do espectáculo que no Sábado, dia 30, é estreado no Teatro Virgínia.

 

Este espectáculo, explicou também a bailarina, resulta de uma criação colectiva por parte das intérpretes, Maria Gameiro, Patrícia Jorge, Raquel Senhorinho e Marta Tomé. A música foi composta propositadamente para o espectáculo é da autoria de Vasco Ribeiro Casais.

 

«Gosto da temática rural» explicou também a coreógrafa, que diz, apesar de nunca ter tido a experiência de trabalhar no campo, sentir muito a sua influência e de ter adquirido «uma identidade rural» através do contacto com os seus familiares, amigos e vizinhos, que sempre viveram do campo, «São coisas que nos envolvem e que acabam por passar para nós», justificou.

 

Milho e Mulheres

 

Para que este espectáculo ganhasse forma foi necessário fazer alguma pesquisa, tendo para isso a coreógrafa se socorrido das fontes que conhece, o Museu Agrícola de Riachos e alguns testemunhos de quem vivenciou o ciclo do milho, como Joaquim Santana, Manuel da Luz e Manuel Carvalho Simões. Estudou esse ciclo, desde a plantação à fase em que era estendido na eira, até à sua transformação em farinha. Depois procurou elementos que pudessem ser trabalhados coreograficamente, onde as mulheres participavam no “descarolar” e nas “descamisadas”.

 

A co-produção deste espectáculo foi ainda da responsabilidade de um projecto também lançado por Marta Tomé, “A.tarara” – projecto de artes performativas que deambula entre a tradição e a contemporaneidade. Este projecto tem seis meses de trabalho e além do Teatro Virgínia irá procurar levar “Terra Chão” a outras salas de teatro do país.

 

Luís Miguel Lopes

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados