SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sábado, 19 Junho 2021, 19:51

Riachos em obras

 

À conversa com o presidente da Junta de Freguesia de Riachos, João Cardoso onde o mote para o encontro foi o atraso das obras da Chora Barroso, e porque as conversas são como as cerejas, falou-se ainda acerca do Jardim da Vila, que apesar de ainda não ser uma realidade à vista já tem os alicerces fundados e “só não tem as obras mais avançadas devido ao mau tempo que se tem feito sentir” adiantou o presidente da Junta.

 

“Estou certo de que será um espaço muito, com zonas verdes e de lazer. Ali serão igualmente instalados dois palcos onde terão lugar as actuações por exemplo de quatro em quatro anos da nossa grande festa em honra do Senhor Jesus dos Lavradores, ou outras que se realizem. E logo ao lado, será criada a Casa da Cultura de Riachos”, acrescentou João Cardoso, sendo que todo este projecto está localizado e pensado para a zona envolvente ao Centro de Saúde de Riachos. “Uma zona nova e nobre da vila de Riachos e que se encontra em expansão”, disse ainda o presidente.

 

Obras estas que são alvo de crítica, por parte dos riachenses, uma vez que nem sempre as prioridades da Junta são as mesmas que as dos moradores nesta vila. Face a esta questão João Cardoso respondeu que tudo tem sido feito a pensar no bem estar das pessoas e que se encontra ciente das dificuldades existentes e das principais prioridades. “A estrada da Costa Brava é uma prioridade, e  uma luta que já dura há vinte anos. Temos que compreender que a Câmara Municipal tem 17 freguesias e tem de partir o bolo com fatias iguais. Em relação à obra da estrada da Costa Brava, ela já foi adjudicada e espero que as obras arranquem durante este ano. Bom seria que tudo estivesse feito. Mas não é possível. O alargamento da estrada da Cascalheira é outro projecto que também já foi adjudicado”, acrescentou João Cardoso, reforçando a ideia de que a par com as grandes obras a Junta de Freguesia não esquece as obras de menor vulto, mas não de mais pequena importância. “Não podemos esquecer as estradas que necessitam de ser alcatroadas, as valetas limpas e algumas acimentadas. Pensamos sempre e em primeiro lugar na qualidade de vida dos riachenses.” Reforça.

 

O Ambiente, uma pedra no sapato da Junta

 

A questão do ambiente é a pedra no sapato, problema acerca do qual “nada podemos fazer e cada vez me envergonho mais  desta situação lamentável. Todos conhecem os problemas gravíssimos de poluição que temos nos Riachos, aquela Vala das Cordas é uma autêntica vergonha. Sabemos que a Estação de Tratamento de Águas Residuais de Riachos funciona muito mal, e Riachos é sem dúvida uma prioridade na questão do ambiente no nosso concelho. Tenho esperança que a entrega da questão do saneamento básico à empresa Águas do Ribatejo seja a luzinha ao fundo do túnel para a resolução deste problema, disse João Cardoso.

 

Célia Ramos

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados