SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sábado, 12 Junho 2021, 14:38

Ação de protesto frente aos hospitais de todo o distrito

Em todo o distrito, na sexta-feira, dia 27, realizou-se uma ação de protesto frente aos hospitais de Santarém, Torres Novas, Abrantes e Tomar, promovida pela Comissão de Utentes de Saúde do Médio Tejo, em conjunto com o Movimento de Utentes de Saúde de Santarém, a que se associaram as comissões locais de utentes. O protesto serviu para aprovar uma moção, que foi lida em todos os locais de protesto, onde se pede que haja serviços de Saúde de proximidade e de qualidade em todo o distrito de Santarém. Em Torres Novas, frente ao hospital, concentraram-se cerca de 80 pessoas.

O porta-voz da Comissão de Utentes de Saúde do Médio Tejo, José Augusto Paixão, leu a moção, que pede a revogação da Portaria 82/2014, a manutenção e dinamização das valências hospitalares de “Urgência”, “Medicina Interna”, “Pediatria” e “Cirurgia Geral” em todos os hospitais, a articulação dos cuidados de saúde (entre hospitais e centros de saúde), a defesa da manutenção das duas maternidades existentes no distrito, em Abrantes e Santarém, e pede mais médicos e outros profissionais para os centros de saúde, farmácias nas zonas rurais, para que a população possa ter acesso a cuidados de saúde de proximidade e de qualidade. A moção aprovada insta os utentes a «não se resignarem» perante um cenário que «coloca em causa a dignidade e em alguns casos a própria vida», das pessoas que necessitam dos cuidados de saúde.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados