SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Quinta-feira, 17 Junho 2021, 22:38

Família timorense em Torres Novas para aprender português

p1_timorense_grd

Edite Cabral é magistrada em Timor Leste. Pediu uma licença sem vencimento para dar aos seus cinco filhos uma experiência única, a de vir para Portugal para que eles pudessem cá frequentar a escola e aprender português. Escolheu Torres Novas para viver essa experiência porque queria vivê-la numa cidade pequena, do interior do país, onde os filhos pudessem sair à rua e interagir com a comunidade. Em Torres Novas desde agosto está a viver com agrado a estadia por cá.

Já em Timor os filhos frequentavam a escola portuguesa. Mas lá ficavam no colégio interno e, por isso, só os podia ver ao fim de semana. Um “suspeito do costume” em tudo o que relaciona Timor Leste e Torres Novas, António Rodrigues, falou a Edite Cabral da cidade de Torres Novas. Depois de conseguir a sua licença sem vencimento decidiu vir então para Torres Novas. Já tinha estado em Portugal, em Lisboa, e sabia que não era essa a experiência que queria proporcionar aos filhos. Quis uma comunidade mais pequena para assim poder também passar mais tempo com os seus filhos.

LML

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados