SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sexta-feira, 25 Junho 2021, 01:38

Escola Superior de Educação procura parceiro económico que a viabilize

O tic tac do relógio é o grande inimigo da APEF, a associação que faz a gestão da Escola Superior de Educação de Torres Novas. Até 31 de agosto terá de ser encontrada uma solução que viabilize a continuidade da escola, permitindo que esta continue a funcionar.

O Presidente da direção da APEF, Manuel Bento, confirmou a “O Almonda” que foram enviadas as cartas de rescisão de contrato aos professores e funcionários, como medida de salvaguarda dos direitos dos trabalhadores. Se até 31 de agosto não se encontrar uma solução a escola irá mesmo encerrar as portas.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados