SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sexta-feira, 25 Junho 2021, 14:39

Bloco de Esquerda critica aumento da dívida do município em 2009

 

Em conferência de imprensa, na quinta-feira, dia 30 de Abril, o Bloco de Esquerda acusou o Presidente da Câmara de esconder o aumento da dívida em 2009 durante a Assembleia Municipal em que eram discutidas e aprovadas as contas de 2008, uma assembleia que se realizou na segunda-feira, dia 27 de Abril.

 

António Gomes, o deputado do BE, na Assembleia Municipal, deu conta de que houve um aumento da dívida nos primeiros meses do ano, a partir de Janeiro, situação que «já não acontecia há muito tempo». Entende António Gomes que António Rodrigues «escondeu» essa informação da Assembleia Municipal, «omitindo a verdade». Disse ainda o representante do BE que nem houve razões para o aumento da dívida, já que «Em 2008 não se fizeram grandes obras, apenas foi o final da obra da Biblioteca», e acrescentou, «No início de 2009 a dívida teve um aumento brutal». Reportando-se ainda à reunião da Assembleia Municipal, onde o BE votou contra as contas apresentadas pelo executivo, recordou, «Fomos acusados de não entender nada de contas, mas a falta de seriedade foi do “outro lado”». O BE indicou que a dívida a curto prazo subiu 1 470 000 euros, mais de 8%, colocando a dívida a ultrapassar os 34 milhões, o que é «muito preocupante».

 

Luís Miguel Lopes

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados