SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sábado, 12 Junho 2021, 13:01

Coligação PSD e CDS em Torres Novas

“Portugal à Frente”, o programa eleitoral da coligação entre o PSD e o CDS, foi apresentado em Torres Novas, na terça-feira, dia 15, na biblioteca municipal Gustavo Pinto Lopes, que contou com um auditório quase cheio.

Miguel Lima Bento, o único torrejano que integra a lista, pelo CDS, iniciou as intervenções políticas dizendo na ocasião que o que importa «são as pessoas» e que a coligação irá apoiar o empreendedorismo no distrito, pois, afirmou, «quem cria emprego são as empresas».

António Campos, o Presidente Executivo da Nersant, deu a conhecer as linhas orientadoras de um programa feito a pensar no distrito, que promove a interação entre empresas, tecido social e os eleitos, para que possam os deputados «corresponder as expetativas do distrito que os elegeu».

Teresa Leal Coelho, a cabeça de lista pelo distrito da coligação, iniciou a sua intervenção lembrando a rábula dos “Gato Fedorento” sobre a “Senhora cor-de-rosa”, que dialogou com Pedro Passos Coelho. Lembrou a candidata que quando o Governo da coligação chegou ao poder o país «estava na bancarrota». Em 4 anos trabalhou-se para que hoje o país «possa mais». Os efeitos positivos ainda não chegam a todas as casas, mas «vão chegar», afiançou. Evocou Sá Carneiro, quando este disse que o PPD tinha de andar sistematicamente a resolver os problemas que o PS criava.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados