SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Terça-feira, 15 Junho 2021, 17:59

Jovens Empreendedores

Há algumas semanas li uma reportagem numa revista acerca dum chamado grupo de jovens que têm curso superior, mas que ainda não encontraram empregos de acordo com as suas habilitações e os seus gostos.

           

Um dizia que ainda estava a descobrir o seu verdadeiro caminho. Tinha 20 anos e vivia com a sua avó que lhe tratava da roupa e alimentação. A sua mãe fora trabalhar para os Açores e também lhe enviava dinheiro. Este jovem ocupava os seus dias a tratar do seu cão de raça e das saídas nocturnas.

           

Um outro rapaz de 23 anos, tirou um curso de electricista numa Escola Profissional, mas diz ele que não sentia integrado nesse tipo de trabalho. Também vive com a família, dependendo como é óbvio deles.

           

O que mais me impressionou é que estas pessoas saudáveis passem os melhores anos da sua vida sem estar no activo. Ou porque não querem, ou porque preferem os cursos renumerados. Infelizmente há muito boa gentinha que anda a viver disso. Andam com a pastinha na mão, com ar de doutores sem nome, todos emproados. Preferem isso do que trabalharem a sério. E muitos outros que precisam mais, por motivos de saúde andam a limpar escadas ou a limpar retretes.

           

E ainda existem outro tipo de trabalhos que ninguém sabe onde encontrar que os faça. Cai um puxador duma gaveta, andamos nós feitos parvinhos ali a tentar remediar a coisa e passado uns dias volta tudo ao início. E quando a fita do estore se parte, ai que chatice, quem nos arranjará isto? E as reparações eléctricas, colocar um candeeiro? Como não entendemos nada e temos medo de ficar com os cabelos espetados devido a algum choque, o que fazer?

           

Procura-se de boca em boca, pouca informação nos é dita. E dum momento de desespero porque queremos as coisas arranjadas os mais antigos dizem: “ – no nosso tempo havia de tudo: limpa – chaminés. Sapateiros, agora só há senhores técnicos disto e daquilo, que no fundo têm pouca prática”

           

E no meio de tanto esperar eis que me veio parar às mãos um panfleto do “ Campeão dos Biscates”, constituído por 2 jovens da nossa zona que fazem um pouco de tudo. Prestaram-me serviços e fiquei satisfeita. São profissionais, educados e simpáticos. E é desta juventude que precisamos, destes jovens empreendedores, que deixem fluir os seus dotes de aprendizagem e saiam de casa, não só para arejar, mas para fazerem algo de útil.

           

Como estão ainda a começar a entrar neste “mundo” deixo aqui o contacto 966 264 420 e o seu e-mail: campeaodobiscate@hotmail.com. Escrevi este artigo de livre vontade, porque gosto de ajudar e valorizo muito as iniciativas de carácter social e pessoal. E também é uma mensagem para quem continua a viver apenas dos cursinhos renumerados e não só. Porque não criar novas ideias a partir dos vários cursos que vão tirando, aplicando-os na prática?

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados