SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sexta-feira, 25 Junho 2021, 08:50

Falar de animais

Como todos os seres vivos os animais fazem parte da nossa vida. Infelizmente nesta sociedade mesquinha algumas pessoas gostam de ter um cão ou um gato enquanto ele é pequenino. Depois começa a crescer e antes de irem de férias abandonam-nos por aí; no tempo de caça alguns caçadores também deixam os seus animais ao Deus dará; outros são mortos à nascença e muito mais atrocidades se cometem. Veio a Lei que multa quem maltrata os bichos, mas no meu entender pouco ou nada ajudou. Ora vejamos: porque sai uma Lei destas, se em Portugal e nas ilhas os canis de abate são uma realidade cruel?

Só na ilha de São Miguel nos Açores existe uma percentagem de 57% de abates para cães e de 17% para os gatos no canil de abate de Ponta Delgada. E por cá, também existem canis de abate. Para que serve a Lei?

Mas, felizmente ainda há associações que lutam contra todas as atrocidades e acolhem animais cães e gatos na sua maioria.

Na nossa cidade este fim de semana conheci a APA- Associação Protetora dos Animais de Torres Novas. Estas pessoas de coração enorme procuram chegar a todos os animais abandonados.

Os animais não estão encarcerados em celas, andam soltos em espaço livre e arejado. Têm todos os cuidados de higiene e alimentação e são esterilizados.

Para ajudar esta associação pode ligar para o 910 660 689, ou através do correio eletrónico: apda.tn@gmail.com.  No Facebook pode ver a página.

É urgente acabar com os canis de abate e cooperar com estas associações. Denunciem os maus tratos aos animais.

Como diz o ditado: “ os animais são os nossos melhores amigos”.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados