SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Domingo, 13 Junho 2021, 16:07

Limpar Portugal

 

A notícia apanhou-me de surpresa. Imaginem a demagogia! Limpar,  num só dia,  o País inteiro, do lixo acumulado ao longo dos anos.  Não me acreditei que fosse possível e, muito sinceramente, o desafio pareceu-me tão irrealizável como acreditar que, dum dia para o outro, vamos todos, com um simples estalar dos dedos,  ser solidários.  Seremos capazes de contribuir, um a um,  para uma causa a que aderimos apenas com a recompensa e a convicção, de sermos tão só uma formiga, num formigueiro que funciona porque todas as formigas dão importância ao conjunto sem terem consciência da sua individualidade?

 

Antes de mais será que o Pais está sujo? Existem lixeiras espalhadas pelos montes e vales? Os rios deixam lixos pelas margens? As marés contaminam as praias com os desperdícios da sociedade? Será que um dos paradigmas desta civilização consumista assenta na ideia de que é mais fácil fazer novo do que aproveitar e reutilizar o que já foi feito?

 

Vejamos.  Quem é que nunca seguiu um trilho pela floresta para se deparar, sob a sombra amiga das árvores, com o espectáculo criminosos dum frigorífico esventrado?  Quantos já se encontraram, num miradouro onde os olhos se espreguiçam pelo horizonte, com a visão, ao alcance da mão,  de um monte de lixo deixado à socapa?  Nunca viram, à beira duma estrada,  entulhos,  largados ali, apenas porque estava mais à mão, não porque custasse mais ou fosse mais trabalhoso ir a um Ecocentro?  Os lixos da agricultura, os lixos dos industriais,  os lixos domésticos, os monos, os plásticos, colchões, pneus, pára-choques, sacos pretos… Não é preciso cair no exagero do costume,  dos que afirmam que somo mais incivilizados que todos os outros, mas neste aspecto somos desleixados que chegue…

 

É por isso que agradeço esta iniciativa que possibilita que eu, enquanto cidadão anónimo, possa contribuir para concretizar este desafio com o qual todos seremos beneficiados.

 

Quero acreditar que o exemplo destes voluntários vai fazer pensar aqueles que, sem dó nem piedade vão assassinando as nossas paisagens. Desejo que o exemplo sirva para evitar a acção persistente e criminosa dos que,  por desleixo e comodismo, vão transformando o País numa imensa lixeira.

 

Será que é possível limpar Portugal apenas num dia?  Seguramente que sim se cada um de nós participar!  A iniciativa já provou ser eficaz entre os povos de outras línguas é tempo de também nós darmos o exemplo.  Vamos demonstrar que Portugal tem consciência,  sendo composto por cidadãos capazes de sacrificar um dia da sua vida para contribuir numa iniciativa que valoriza o País.  Do que é que está à espera para aderir?

 

E depois de Portugal estar limpo? Vamos todos contribuir para que continue assim!  Será assim tão difícil?

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2021 © Todos os direitos reservados