SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Terça-feira, 14 Julho 2020, 05:24

ACU… PUNTURA

Por: Vitor Sepodes

Decompondo a palavra ACUPUNTURA, temos ACU – agulha e PUNTURA – colocar num ponto. Há alguns anos não havia tantos cuidados de higiene e segurança como hoje… outrora, os pacientes levavam as agulhas para casa, num recipiente preparado para o efeito e voltavam a trazer nos tratamentos seguintes, no entanto ninguém sabe se os recipientes eram abertos e assim as agulhas pudessem ser contaminadas… afinal estamos a falar de agulhas que são introduzidas no corpo humano e assim em contacto com todas as estruturas do nosso interior. Felizmente hoje, as agulhas esterilizadas e colocadas em compartimentos individuais, são utilizadas apenas uma vez no paciente e após a sua utilização são colocadas em recipientes próprios para posterior recolha por empresas vocacionadas para o efeito. O tamanho e espessura das agulhas varia de 1 a 12 cms, referindo a parte que penetra no corpo, sendo que as agulhas pequenas, são utilizadas em pediatria ou em pontos onde a estrutura não tem condições de introdução da agulha e as de 2,5, 4, 5 e 6 cms são utlizadas em várias zonas do corpo, consoante a estrutura do paciente e assim adaptar o tamanho da agulha. As agulhas de 10 e 12 cms são utilizadas normalmente em tratamentos de emagrecimento e colocadas de modo a fazerem efeito na massa adiposa. Porque não referem dor na colocação das agulhas? No Ocidente a maioria dos médicos Acupuntores utilizam uma cânula, ligeiramente mais pequena que a agulha, onde a introduzem e após encontrarem o ponto onde pretendem colocar a agulha, através de um “piparote” ou movimento rápido com o indicador, a agulha passa muito rapidamente a derme, fazendo assim com que o paciente não sinta dor. Assim sendo, ACUPUNTURA recomenda-se sem medo, sem dor.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Ler Mais...
Jornal O Almonda, 2020 © Todos os direitos reservados