SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sábado, 8 Agosto 2020, 06:20

Eunice Muñoz homenageada no Teatro Virgínia

Eunice Muñoz subiu ao palco do Teatro Virgínia na noite de sábado, dia 14, ao lado da actriz Maria José Paschoal, para apresentar a peça “O cerco a Leninegrado” uma peça de J. Sanchis Sinisterra, com encenação de Celso Cleto, numa viagem entre o passado já distante e o impacto que a história produz nas nossas vidas quotidianas.

Eunice Muñoz, no papel de Teresa, atriz e viúva de um antigo encenador, vive com Natália (Maria José Paschoal), nas ruínas de um velho teatro na cidade em vias de ser demolido. Este texto, de 1994, é vertiginoso, uma comédia política, onde o teatro serve de matérias de reflexão à história política dos últimos 50 anos.

“O Cerco a Leninegrado” assinala, assim, os 70 anos da longa e profícua carreira de Eunice Muñoz, que nasceu na Amareleja, em Junho de 1928, numa família de atores.

A sua estreia no mundo do teatro deu-se a 28 de novembro de 1941, na Companhia Rey Colaço/ Robles Monteiro, no Teatro Nacional D. Maria II, na peça “Vendaval”, de Virgínia Vitorino. Rapidamente o seu talento é reconhecido e admirado por Palmira Bastos, Raul de Carvalho, João Villaret e até mesmo por Amélia Rey Colaço, permitindo-lhe uma rápida integração na Companhia.

Cinco anos mais tarde, estreia-se no cinema, no filme de Leitão Barros, “Camões”, ganhando o prémio do SNI – Secretariado Nacional de Informação pela sua interpretação. Desde então, Eunice Muñoz tem recebido vários galardões, bem demonstrativos de que é uma grande senhora e uma das melhores actrizes portuguesas de todos os tempos.

No final do espetáculo, enquanto o público aplaudia as atrizes de pé com uma forte ovação, o presidente da Câmara Municipal de Torres Novas, António Rodrigues, subiu ao palco para entregar a Eunice Muñoz uma lembrança, felicitando-a pelo «momento de sonho» a que tinha assistido e pela grandiosa carreira da atriz ao longo dos últimos 70 anos.

Célia Ramos

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2020 © Todos os direitos reservados