SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sábado, 11 Julho 2020, 00:01

25ª Feira dos Frutos Secos arranca a 1 de Outubro

 

A próxima “Feira dos Frutos Secos” será a 25ª vez que o certame terá lugar em Torres Novas. Para a apresentar a Associação Nacional dos Frutos Secos e Passados foi desta vez a Lisboa, à Loja Rural, apresentar a próxima edição da Feira.

 

A escolha do local, em Lisboa, na “Loja Rural”, foi por um motivo especial, explicou Pedro Ferreira, na ocasião, pois a ideia passou por também divulgar aquele espaço que existe em Lisboa, onde é possível fazer a divulgação da região, tanto a nível comercial como turístico.

 

Para a Feira dos Frutos Secos está confirmada a presença da SIC por ocasião da inauguração e haverá divulgação na TSF, informou ainda Pedro Ferreira, motivos porque a Associação está esperançada que haja muitos visitantes na presente edição.

 

As 25 edições ininterruptas «têm projectado Torres Novas», fazendo com que o epíteto de “Capital dos Frutos Secos” venha ganhando cada vez mais razão de ser.

 

Este ano o certame irá ter lugar no pavilhão principal da Nersant, pois a Fersant, a feira empresarial que costuma ter lugar ao mesmo tempo que a feira dos frutos secos, já se realizou este ano em Santarém, por altura da feira nacional da agricultura. No entanto, a nível local, as parcerias «intensificaram-se», assegurou Pedro Ferreira, pois a ACIS vai assegurar uma contribuição mais forte ao programa, contribuindo para a animação cultural.

 

Pedro Ferreira mostrou-se ainda convicto de que a Feira irá ser mais «um sucesso», estimando que vão estar presentes entre 25 a 30 mil visitantes. Por último expressou os votos de que os expositores fiquem satisfeitos e que com isso Torres Novas também ganhe.

 

Rui Silva, da ACIS, justificou o apoio da Associação dos Comerciantes dizendo que é «uma obrigação» apoiar e «contribuir para o sucesso da Feira dos Frutos Secos». Disse ainda que o certame poderá continuar a contar com o apoio da Associação e que esta irá «desempenhar o papel que lhe compete».

 

O pavilhão já está cheio

 

De acordo com a coordenação da feira o pavilhão de exposições da Nersant já se encontra repleto de expositores. Estes virão de toda a parte do país num total de 150 expositores. Haverá frutos secos, doçaria, charcutaria, olaria, bebidas, rendas, cestaria, artigos para o lar e ainda pavilhões destinados a instituições particulares, outras entidades e um espaço reservado para as apreciadas tasquinhas.

 

Luís Miguel Lopes

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Ler Mais...
Jornal O Almonda, 2020 © Todos os direitos reservados