SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Sexta-feira, 7 Agosto 2020, 13:56

Viagem a França – Alunos na rota da cultura e da descoberta…

 

Alunos de Francês da Escola E.B. 2.3. Dr. António Chora Barroso realizaram, entre 16 e 23 de Maio, uma visita de estudo a França. Ao longo de todo o ano lectivo, o grupo de professoras de Francês desenvolveu com os alunos do 3º ciclo um projecto designado “À Descoberta da França”, em que estes estudaram a gastronomia, as regiões, personalidades, monumentos, locais históricos e de interesse turístico e que culminou com a viagem por terras gaulesas. Os objectivos principais desta visita foram plenamente atingidos e a viagem, apesar de naturalmente cansativa, proporcionou momentos únicos de aprendizagem, convívio e diversão entre alunos e professoras que certamente serão recordados no futuro.

 

À chegada, a primeira visita foi à Bretanha e ao Mont Saint-Michel, a St. Malo e a Dinan, uma região de rara beleza. No 2º dia, já em Paris, começámos a visita cultural pela Basílica do Sacré-Coeur e pela Place du Tertre onde tivemos a oportunidade de observar dezenas de pintores que expunham e realizavam in loco as suas obras. Em Paris ficámos três dias e visitámos muito do que de importante há para ver: os locais mais turísticos e os monumentos mais carismáticos, (Torre Eiffel, Arco do Triunfo, Champs Elysées, Catedral de Notre-Dame, Tuileries, Place de la Concorde) incluindo um dia inteiro dedicado à arte (Museu do Louvre e Museu d’Orsay) e à História (Versalhes).

 

Um passeio nocturno pelo Rio Sena em “bateau-mouche”, onde pudemos observar a Torre Eiffel iluminada e outros momentos que de certo não esqueceremos, preencheu um dos serões. Outros, permitiram a subida ao Arco do Triunfo, a descida dos Champs Elysées e a visita a La Défense.

 

Mais tempo seria preciso para tudo ver bem mas a fantasia e a adrenalina esperavam por nós na Disneyland e no Parc Astérix, tal como as novas tecnologias e a diversão baseada na imagem e no futuro – um dia para cada parque temático. Aí, todos apreciámos e desfrutámos das mais variadas diversões: loopings, montanhas russas, mergulhos em piroga, casas assombradas, simuladores, cinema em três dimensões, espectáculos de som e imagem… e o entusiasmo sempre presente, a alegria das experiências vividas.

 

Tudo estava a correr às mil maravilhas, mas o regresso aproximava-se, dum lado estavam as saudades de casa, do outro Paris, uma cidade simplesmente magnífica. Viveu-se a um ritmo alucinante e num ambiente de franca camaradagem. Muitos quilómetros foram palmilhados, pouco se descansou, porque o tempo não chegava para tudo digerir e guardar na memória. Ninguém esmoreceu, mesmo cansados, estavam sempre prontos para mais.

 

Dia a dia, e ao ritmo das suas descobertas e aprendizagens, os alunos foram preenchendo guiões das visitas e diários de bordo, distribuídos pelas professoras, folha a folha, para serem devolvidos no final do dia, devidamente preenchidos e posteriormente avaliados. Pensavam que era só passear, não? Pois enganaram-se: sobre a viagem de ida e volta, as peripécias vividas e os conhecimentos de história e geografia adquiridos, tinha que ser feito registo.

 

A viagem de regresso decorreu sem problemas, ao ritmo de músicas e do filme “Mamma mia” que muitos certamente não vão querer ver durante muito tempo!!! Chegámos a Riachos, onde nos aguardavam a chuva (que nos veio também dar as boas-vindas), familiares e amigos, ansiosos por saberem as novidades e reverem os filhotes.

 

Missão cumprida: o projecto que no início do ano lectivo decidíramos levar a cabo estava a chegar ao fim da sua segunda fase: a execução (a primeira, a preparação, há muito que terminara). Resta agora a terceira fase: o balanço do que se aprendeu, do muito que se fez e de outras coisas que ficaram por fazer, a avaliação do trabalho realizado. O aspecto pedagógico-didáctico foi amplamente trabalhado e continuará certamente a marcar presença nas aprendizagens futuras.

 

Se valeu a pena? Tudo vale pena se a alma não é pequena – disse o poeta e responderão alguns; digo eu: tudo vale a pena quando sentimos que proporcionámos a estes alunos experiências inesquecíveis e enriquecedoras, quando sabemos que contribuímos para lhes alargar os horizontes, quando estivemos presentes com o nosso trabalho, dedicação e a nossa vontade de os ajudar a crescer e a viver. A satisfação é enorme quando recordamos a alegria, a euforia, a excitação vivida por todos durante estes dias.

 

Cansados mas felizes, regressámos às nossas casas, carregados com os souvenirs, os que comprámos e os que não se pagam nem se compram mas que ficarão para sempre registados nas nossas memórias e nos nossos corações.

 

Resta fazer um agradecimento merecido a todos quantos apoiaram e possibilitaram a realização deste projecto (particularmente ao Conselho Executivo e aos Pais e Encarregados de Educação), colaboraram para que ela fosse um sucesso (os nossos motoristas, Srs Firmino e Vítor Lopes, o nosso guia, Sr. Farinha Paula, e a agência TN Tours) bem como à Districentro e ao Eleclerc, pelo apoio em mantimentos para a viagem.

 

                        Dina Ferreira                   

(uma das professoras organizadoras)

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2020 © Todos os direitos reservados