SEMANÁRIO REGIONALISTA DE TORRES NOVAS | FUNDADO EM 1918 | ANO CI | Diretor: Nuno Vasco Batista Nunes | Segunda-feira, 23 Novembro 2020, 16:56

Gatilhos fora das televisões

Já não é a primeira vez que me refiro a esta temática, mas nestas quase duas décadas do século XXI, parece que os apetites pela linguagem e imagens agressivas e violentas nos media se intensificaram fortemente. Basta ver filmes, telenovelas e alguns jogos de futebol, para se avaliar o comportamento da sociedade, que inclui algumas reações de igual teor, portanto pouco abonatórias, dos líderes dos clubes maiores.
Também na estrada há condutores que parecem inimigos de guerra, com a G3 na língua, prestes a disparar por coisa nenhuma, porque consideram que conduzir um automóvel é ter poder. Já agora recordo um episódio que me foi contado, do qual pude depois observar as consequências. Tratou-se de um desentendimento, numa estrada secundária. O condutor que ultrapassou entretanto parou à frente, e veio até a pontapear o que ia na sua calma e a cumprir as normas, tendo-lhe provocado uma lesão de meses. Ora, os múltiplos ecrãs ligados diariamente podem ser os difusores de ódio, de raiva e de má educação que são à partida grandes inimigos da família, da escola, e logo da sociedade. Acresce que uma sociedade só sobrevive com princípios, com normas, com capacidade de alicerçar a juventude para as tarefas difíceis do amanhã. Do futebol, mais uma vez apreciei alguns comentários a jogos do mundial da Rússia e voltei a ouvir palavras como “matadores” “perigo” “matar o jogo” “duelo” “disparo” e “vingança”. Lamento que não se adeque o léxico aos conteúdos. Mas é claro que há e sempre há de haver jovens bem encaminhados, como também há boas famílias, pelo que nem tudo é negativo. Também há boa música, bons programas, boa televisão e bom futebol e muitas outras modalidades menos agressivas no comportamento e linguagem. As escolhas podem é ser outras e nas horas menos certas, o melhor é pouco visto, em detrimento do que tem mais “ação”.

Partilhe!
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on reddit
Reddit
Jornal O Almonda, 2020 © Todos os direitos reservados