Home > Sociedade > Quercus desafia municípios a plantar 100 árvores portuguesas para comemorar República

Quercus desafia municípios a plantar 100 árvores portuguesas para comemorar República

 

A comemoração do centenário da República foi aproveitada pela Quercus, a associação de defesa do ambiente, para promover a floresta original portuguesa através da plantação de pequenos bosques de 100 árvores de espécies autóctones em cada concelho do país.

 

O projecto “Bosques do Centenário” tem a participação de várias entidades, mas vai depender da adesão dos 308 municípios que são chamados a aproveitar as plantas ou sementes disponibilizadas e escolher as espécies e locais onde vão plantar as árvores no dia 23 de Novembro, “Dia da Floresta Autóctone”.

 

O protocolo de colaboração para o projecto envolve a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República, a Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, a Associação Nacional de Municípios Portugueses e a Autoridade Florestal Nacional (AFN), contando ainda com a participação do movimento Limpar Portugal.

 

«No Dia da Floresta Autóctone [pretendemos] plantar não uma árvore, mas 100 árvores, uma por cada ano do centenário da República, em cada um dos concelhos do país, e levar a toda a gente esta ideia, esta causa de plantar floresta autóctone», disse Paulo Magalhães, da Quercus.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook