Home > Aldeias > No Centro Social de Santa Eufémia, Emília de Jesus Laranjeiro celebrou 100 anos de idade

No Centro Social de Santa Eufémia, Emília de Jesus Laranjeiro celebrou 100 anos de idade

 

Emília de Jesus Laranjeiro nasceu no dia 19 de Outubro de 1909. Completou assim a bonita idade de 100 anos na última segunda-feira, e soprou as velas do bolo de aniversário rodeada de muitos amigos e familiares no Centro Social de Santa Eufémia, na Chancelaria. Ao pescoço traz penduradas duas medalhas de Nossa Senhora, prova da devoção que sente para com a Mãe do Céu. Contam as filhas, ali presentes enquanto vão acariciando a mãe e ajeitando o lenço que tem ao pescoço que vai descaindo, que “quando era mais nova rezava 10 a 15 terços por dia. Estava sempre a rezar.” E quando lhe perguntei se ainda rezava muito, esta simpática senhora, respondeu apenas “Nosso Senhor é que sabe o quanto rezo!”

 

Aos 100 anos de idade, Emília de Jesus Laranjeiro não tem problemas de saúde de maior preocupação. Apenas foi perdida a mobilidade, facto originado pela fractura de um pé, associado à idade avançada. Se lhe é perguntado se tem dores em algum lado, responde sem hesitar: “não me dói nada”. “Ela diz que só teve dores para ter os filhos”, afirma oportunamente uma das filhas. E ao contrário do que se possa pensar, não precisa de óculos para conhecer quem a cumprimenta neste dia, nem que lhe falem mais alto para que ouça as felicitações em dia de aniversário. De olhar muito atento, falava a quem chegava e quem dela se abeirava e quando lhe era pedido um sorriso para a fotografia, manifestava uma alegria desigual e um sorriso de quem se sente feliz.

 

Célia Ramos

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook