Home > Crónicas > Ao correr da pena

Ao correr da pena

Começo por saudar os leitores, pois é para vocês que escrevo de quinze em quinze dias, temas que me surgem de repente e que saem, melhor ou pior, para a terceira página do nosso “O Almonda”.

E hoje, uma vez mais aqui estou, escrevendo para vocês, para estar convosco pelo menos o tempo que dedicam à leitura da minha crónica. E vou escrever sobre o quê, sobre que assunto, sobre um amigo ou amiga que me dizem muito, sobre um acontecimento estranho que se deparou perante meus olhos? Ainda não sei bem e o artigo já vai quase a meio.

Mas olhem, quero escrever precisamente sobre os meus leitores, sobre vós, que semana a semana “devoram” o nosso jornal para se actualizarem sobre as coisas da nossa cidade, sobre a vida das colectividades, sobre as festas das nossas aldeias, sobre o desporto que por aqui vai tendo lugar e neste caso não é só de futebol, mas das mais diversas modalidades, como o ténis, o basquetebol, a ginástica, a natação, a columbofilia, o atletismo, o tiro com arco, a patinagem e o triatlo, referindo que nesta última modalidade tivemos há poucos dias, um campeão do mundo em juniores e outros colegas com muito boas classificações a título mundial. Enfim, no desporto Torres Novas revela uma azáfama de feitos que nos guindam a um patamar muito interessante a nível do país e mesmo no estrangeiro.

Depois em termos culturais muita coisa se tem feito na cidade, na vila de Riachos e nas aldeias, quase sempre com apoio da Câmara, verdade seja dita. O nosso “O Almonda” pretende ser um jornal vivo e a cada leitor eu solicito que proponha um novo assinante, pois só dessa forma não só seremos mais e melhores, como conseguiremos começar a recuperar o jornal em termos financeiros.

Com o apoio de cada vez mais assinantes, o nosso jornal não morrerá e continuará, como todos pretendemos, a ser um veículo fundamental para a divulgação do nosso Concelho a todo o mundo que nos ler.

Um muito obrigado pela vossa leitura e seguramente pela vossa compreensão para o que atrás referi. Se cada assinante enviar um novo assinante, seremos o dobro um destes dias. Cá esperamos a vossa resposta e a vossa sincera colaboração.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook