Home > Saúde > ACUPUNTURA – CXVI

ACUPUNTURA – CXVI

Síndrome Vertiginoso

Por: Vitor Sepodes

O Sr. Vítor de 65 anos veio a uma consulta em março, com queixas de ter muitas tonturas, vertigens e até chegava a desmaiar, referindo ainda que tinha bastantes zumbidos. Dentro do que mais o preocupava era mais importante tratar as vertigens porque receava muito que algo poderia correr mal com os possíveis des- maios. Após 2 meses (8 tratamentos) melhorou bastante das vertigens e começamos a tratar dos zumbidos que ao fim de cerca de 6 tratamentos começou igualmente a melhorar. Convém referir que no início do tratamento fez Acupuntura e Fitoterapia Chinesa e ao passarmos para o tratamento dos zumbidos, ainda vão sendo considerados alguns pontos das vertigens e nunca deixou de tomar a fitoterapia. Também é importante dizer que este paciente é extrema
mente responsável no cumprimento da toma de fitoterapia que lhe foi solicitado. Como ele diz…” se for necessário e se me ajudar posso tomar as gotas para o resto da vida”. É aqui que está a diferença… na maior parte das patologias que tenho referido a acupuntura é extremamente eficaz e tem um papel fundamental mas em muitos problemas é mais importante o paciente cumprir a toma das gotas uma vez que não tem efeitos colaterais e à medida que vão estimulando o órgão ou sistema que pretendemos ativar ou normalizar porque o organismo já não o faz sozinho, as melhorias são significativas e neste caso este paciente dentro de pouco tempo irá ficar apenas com a fitoterapia uma vez que consegue assim fazer a compensação necessária para melhorar o problema. Mesmo não conseguindo uma eficácia de 100%, os desmaios nunca mais aconteceram, as vertigens são muito ligeiras, apenas uns segundos e os zumbidos estão suportáveis. Considero por isso mais uma situação de ÊXITO para 3 situações no mesmo paciente.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook