Home > Ana Madureira > Vamos ser menos consumistas?

Vamos ser menos consumistas?

A cada ano que passa, tento viver o Natal de uma forma muito mais pura e menos consumista. Adoro oferecer presentes, mas nesta quadra apetece-me cada vez menos aderir à febre das lojas e das compras. Nesta quadra, as minhas prioridades passaram a ser outras: estar em frente à lareira, à mesa com a família, passear sob o frio e nevoeiro ou aproveitar e pôr a leitura em dia.
Há uma pessoa a quem gosto de oferecer um presente: à minha sobrinha. Aos meus pais, também. Mas de ano para ano, compro cada vez menos. Se bem que a tradição é a de trocar presentes na noite de 24 para 25, pensem bem no que estão a fazer. Vale a pena sacrificar o mês de janeiro ou um subsídio para trocar bens materiais?
Um presente por pessoa chega perfeitamente. Por isso, se não conseguem resistir, a minha sugestão é que façam, mesmo em família, um amigo secreto. Façam um sorteio entre vocês e à pessoa que vos calhar têm que comprar um presente, até determinado valor (combinado em família). De vez em quando, falo com algumas pessoas sobre isto e nem sempre as reações são positivas.
Mas pode ser uma excelente forma de combater o consumismo desenfreado que corrói as nossas finanças e o verdadeiro espírito de Natal. Dar e partilhar não implica oferecer presentes ou bens materiais. Dar e partilhar passa mais, a meu ver, por dar de nós. Por dar o nosso tempo e dedicação a quem amamos. E que o façamos todos os dias. Não só em dezembro.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *