Home > editorial > Cem anos

Cem anos

Há cem anos, «um grupo de rapazes» fundou este jornal. E logo no primeiro editorial é afirmado que O Almonda «vem preencher uma lacuna que não abona os foros de terra civilizada que Torres Novas, (…) quer ser e tem direito a ser». Desde o seu início que este jornal tem um compromisso com a cidade e a região de Torres Novas. Foi e é um jornal regionalista. Há um século que vem pugnando pelos interesses desta cidade e apontando para os seus problemas. Algumas vezes, no decurso da sua longa história deixou-se arrastar pelas circunstâncias e pelos meandros do tempo. Mas geralmente foi sempre uma voz crítica e independente de todos os poderes; sempre cultivando a objectividade da notícia, a pluralidade da opinião. Quantos homens e mulheres não deixaram a marca da sua escrita nestas páginas! Não sendo possível aqui registar os seus nomes, queremos evocar, contudo, aqui dois notáveis obreiros pela sua acção decisiva na vida deste Jornal: Pe. José Maia dos Santos e Pe. Joaquim Búzio. Do passado recebemos este testemunho, registo, impresso no tempo, da vida da nossa comunidade. É património de todos nós e que temos obrigação de transmitir aos vindouros como afirmação e defesa dos nossos valores. Mas não é fácil porque, hoje, cultiva-se mais a indiferença, a evasão e as redes sociais são mais atractivas do que a calma intimidade da leitura. Nos tempos que correm não é fácil a vida para os jornais. Apesar de todos os problemas queremos continuar aqui e ir em frente. É este o nosso compromisso. Contamos com os nossos colaboradores, com os nossos assinantes e com todos aqueles que contribuem para a elaboração d’O Almonda. Até de hoje a cem anos!

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *