Home > editorial > A última à Janela

A última à Janela

Esta à Janela é uma despedida e será a nossa última. É uma decisão solitária, refletida. Está resolvido. Vou-me embora. Meus projetos são frágeis, mas nunca estive mesmo do lado da força. Por vezes, vem de dentro, do obscuro de nós mesmos, a coragem. Mas o que é isto afinal, que contra a corrente nos atrai para tempestades, arrebatando nossa nau contra rochedos e pedras? Transformando nossos sonhos em vulcões? Essa força… Esse samba… Eu chamo de coragem. Mas, se no princípio era a coragem, de onde vem o medo? As Escrituras Sagradas insinuam uma resposta, já nas suas primeiras páginas, quando diz que as primeiras criaturas, serpente e homem, cientes de seus medos, quiseram ser maiores que Deus. E sob a aparência do bem, a rastejar, tiveram medo e por medo, inventaram a traição, a mentira, a violência, a separação, o ódio, a dor e um caminho: a mediocridade. E, querendo o mundo para si, perderam a amizade. Querendo a segurança perfeita, perderam a coragem. No instante onde nos encontramos a coragem anda por um fio. E é por isso que quero mexer-me. Porque estou cansado de ter medo. Porque minha alma anda pelos caminhos da voragem insaciável de amar e mudar as coisas. Porque quero livrar-me das malditas serpentes que dividiram o mundo em esquerda e direita e nos dão ordens contra a razão e a verdade. Mishima dizia que a mediocridade sempre vence. Mas enquanto houver coragem, a esperança subsistirá. A despedida é o tempo da coragem. Santo Agostinho moribundo se despede assim (ao saber que sua diocese já estava nas mãos dos bárbaros), “Não tenham medo, Hipona não é o mundo”… Sorriu e partiu… Padre Ricardo Madeira assume a direção deste glorioso jornal no dia do seu centenário. Seus dias prometem um tempo de crescimento e sustentabilidade. Que eles sejam abençoados. Quanto a mim. Vou-me para junto dos ex-diretores desta boa obra, em cuja grande companhia, agora, não ficarei envergonhado. Durval Baranowske

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *