Home > Aldeias > Visita a Ribeira Branca: “O maior inimigo da freguesia é o PDM”

Visita a Ribeira Branca: “O maior inimigo da freguesia é o PDM”

 

Ribeira Branca, antiga povoação, cuja paróquia é anterior a 1566, existindo um livro de assentos de baptismo com um registo nessa data. A 5 quilómetros da sede do concelho, Ribeira Branca é banhada pelo rio Almonda, que muito favorece a sua agricultura. Tem uma população com cerca de 770 habitantes, ocupando uma área de 8,7 km2.

 

A freguesia de Nossa Senhora da Conceição era um curato anual da apresentação do prior de S. Pedro de Torres Novas e, segundo alguns autores, do padroado real. Pertencia inicialmente à comarca de Santarém e só posteriormente transitou para a de Torres Novas. A Igreja Matriz de Ribeira Branca, no centro da freguesia, sofreu poucas alterações desde a sua construção.

 

No extremo da Ribeira Ruiva, na margem esquerda do rio, existe a Quinta de Santo António, antigamente conhecida por Quinta da Paz. Foi solar nobre pertencente à família Caldeira e Costa Pimentel.

 

«Quanto a arruamentos não está mal»

 

Adriano Aguiar, o Presidente da Junta, considera que a sua freguesia tem arruamentos razoáveis, com algumas excepções, como no caso da estrada que liga a Barreira Alva a Torres Novas. Ali o piso tem pouca aderência e por vezes há acidentes.

 

No “Casal Gaspar” a estrada que faz a ligação à “Rua do Radar”, que divide a freguesia com a Junta de S. Pedro, necessita também de uma intervenção, pois o piso encontra-se em muito mau estado. A propósito desta situação Adriano Aguiar desabafou, «Se o Presidente da Câmara ou alguém da Câmara ali morasse aquilo já estava arranjado quase de certeza».

 

«O que está pior é o rio»

 

«O que está pior é o rio», denuncia Adriano Aguiar, que «continua por arranjar, como fizeram em Torres Novas e nas Lapas». No “adufão” a casa de apoio está ainda por concluir, que servirá para dar apoio à zona de lazer, com um snack-bar e sanitários.

 

Luís Miguel Lopes

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook