Home > Crónicas > Bem prega Frei Tomás

Bem prega Frei Tomás

“Faz o que ele diz, não faças o que ele faz”. Oiçam as pregações do Robles, cabeça de lista do BE nas autárquicas lisboetas, mas – alto lá! – não façam o que ele faz. A demagogia é evidente. Apesar da exígua implantação (uns 10%), a comunicação social atribui aos bloquistas um espaço desproporcionado e sem contraditório. Autocensuramo-nos com frequência, pois o “politicamente correcto” é um facto. Ouvimos no Brasil que “onde há onça, macaco não pia”, mas hoje temos de piar. Julgámos tratar-se de propaganda da direita, quiçá uma rasteira do PS. Não era. Surpreendeu-nos notar que nem os trotskistas são excepção. Vozes histriónicas tentam convencer do contrário, porém o “caso” Robles é indefensável. O prédio não apareceu por acaso. Em 2014, o vereador buscava um investimento e – por coincidência – comprou à Segurança Social – outra coincidência – um volumoso imóvel por 347 mil euros. Uma pechincha! Três anos depois, pô-lo à venda por 5,700,000. Uma mais-valia no estilo daquelas de que ele e o BE dizem cobras e lagartos. É uma hipocrisia que, no étimo grego, significa comédia, dissimulação, fingimento. Esta gente não perde uma ocasião para acusar o Trump de ter enriquecido com a especulação imobiliária. Chamam-lhe capitalista criminoso. O Robles, esse, “não é especulador imobiliário nem capitalista”, mas nas “explicações” até pode dar lições ao presidente. Revemos vídeos em que Robles discursa contra a especulação, na Assembleia Municipal. Isto, cinco meses após esta compra à Segurança Social. Também é anedótico ouvir a Mortágua afirmar na mesma Assembleia: “Quem é rico e tem dinheiro fica com uns bons prédios em boas áreas”. Mal sabia que a condenação era para o seu camarada. Mais: no sábado dia 28, no programa do Acampamento Liberdade no Castelo de Bode, vinha anunciado um workshop: “A propriedade é um roubo”.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *