Home > Ana Madureira > Proteção Solar

Proteção Solar

“Oh avó, não quero mais, fico feia!” “Oh Ana Luísa, aqui quem manda sou eu”. Sábias palavras as da minha avó, quando, junto à bola de uma conhecida marca de creme na praia da Nazaré (bola essa que servia de ponto de referência e de ponto de encontro naquela praia, lembram-se?) me impregnava em creme protetor solar. Eu ficava branca, peganhenta, e detestava. E se não era a minha avó, eram os meus pais ou a minha tia. Na altura detestava, mas hoje estou eternamente grata. O protetor solar é, para mim, um essencial de beleza, seja no inverno ou no verão. É um cuidado que todos devemos ter, independentemente do nosso tom de pele natural. A desculpa “já sou morena, por isso não preciso de protetor solar” equivale à ignorância na desculpa “já sou magra, não tenho que ter cuidado com a alimentação”. O protetor solar deve ser utili- zado durante todo o ano, mesmo no inverno (pelo menos, nas zonas expostas, como as costas das mãos, braços e rosto. No verão, aumentar o espectro da aplicação. No rosto, deve ser aplicado depois dos cremes hidratantes. Ter uma boa imagem passa, sobretudo, por adotar estilos de vida saudáveis e preventivos. E nunca é de mais relembrar que devemos redobrar os cuidados no verão, utilizando chapéu/boné e aumentando a ingestão de líquidos (água, muita água). Bonitos, bonitos, já somos. Mas muito mais bonitos ficamos quando somos bonitos e saudáveis.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *