Home > Vida por cá > Ecos de uma viagem solidária

Ecos de uma viagem solidária

O verde desapareceu, ficou o negro que reveste a encosta todos os montes da serra de Alvelos, onde as aldeias isoladas foram surpreendidas pelo fogo devastador, naquele dia 15 de outubro, dum outono excecionalmente quente. São quilómetros sem fim que falam da tragédia que se abateu sobre o interior de Portugal onde a floresta que domina deveria ser uma importante fonte de rendimento daquela população e que, mais uma vez, ficou totalmente reduzida a cinzas e paus ardidos que nada valem. Desta vez pior ainda, arderam também muitas casas…Esta foi a primeira impressão a marcar o grupo que, no domingo 10 de dezembro, saiu de Torres Novas para visitar três aldeias do concelho de Oleiros, distrito de Castelo Branco: Madeirã, Sobral e Álvaro. A iniciativa desta viagem partiu do grupo da Ação Social das paróquias de Torres Novas, envolvido num projeto de solida- riedade com estas aldeias, onde arderam cerca de meia centena de casas, cujo objetivo é equipar as cozinhas das casas de primeira habitação que vão ser reconstruídas pelas autarquias.

 

Ler mais na edição impressa…

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *