Foi no dia 9 de setembro que foi apresentado o novo jornal O Almonda. Quase dois meses passados, com um novo formato, com um novo projeto editorial, têm sido, felizmente, muitos os comentários que nos chegam, uns positivos, mas também os negativos de quem tem mais dificuldade em se adaptar às mudanças. As mudanças tão necessárias, quando estagnar pode significar morrer. Uma das críticas que mais nos tem incomodado, talvez por ser pouco justa, diz respeito às notícias das aldeias. Somos acusados de não dar a atenção merecida que as aldeias deveriam ter. Quisemos repor a verdade e para tal fomos ao encontro dos leitores das aldeias e perguntámos de sua justiça. Ao contrário do antigo jornal, não noticiamos no ante-título o nome da aldeia, mas as aldeias têm estado presentes, para os mais atentos, comprovem isso mesmo, nomeadamente nos cadernos da Vida Interior e no Bolo de Cabeça. Porém, e querendo ir cada vez mais ao encontro dos desejos e anseios dos leitores, é nosso objetivo fazer em cada edição sempre o nosso melhor, contemplando o que de mais notório se vai fazendo pelo nosso concelho.

Ler mais na edição impressa….

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *