Home > Música > Pedro Barroso: “Gostaria de regressar a Torres Novas, ao Teatro Virgínia”

Pedro Barroso: “Gostaria de regressar a Torres Novas, ao Teatro Virgínia”

Um ano depois do acidente que poderia ter sido fatal, em abril do ano passado, o cantautor riachense Pedro Barroso regressa aos palcos este mês. O maestro recebeu-nos na sua casa no Casal da Raposa, em Riachos, na mesma casa onde viveu o seu pai António Chora Barroso.

Francamente recuperado, depois de ter chegado mesmo a perder a fala e o andar, Pedro Barroso, disse mesmo que depois de aproveitar este verão que se aproxima, no próximo inverno vai tornar a gravar e que no ano que vem haverá com certeza um novo trabalho.

No dia 30 de abril, em que saiu para a rua o disco ”Palavras ao Vento”, Pedro Barroso sofreu uma grave insuficiência respiratória, apesar de tudo, por sorte, mesmo à porta do hospital de Torres Vedras.

“Caí no chão e não me lembro de mais nada. O excesso de peso aliado ao excesso de trabalho e ao muito cansaço levaram a que esta situação se desse. Tinha tido uma semana anterior muito cansativa. Fazia concertos de duas horas sem intervalo.

Por cada hora em cima do palco, há outras 90 que as pessoas não vêm. São os ensaios, é o tempo perdido em burocracias entre muitas situações que as pessoas não imaginam nem se apercebem”, afirma.

Depois de passar por tudo o que passei, sinto muito apreço pelo herói que estava escondido dentro de mim”, explicou Pedro Barroso, ao recordar o dia que lhe poderia ter mesmo roubado a vida.

O último concerto que deu, no Convento de São Francisco, em Santarém, na noite de 24 de abril, foi ao lado de Manuel Freire e curiosamente vai regressar aos palcos novamente na sua companhia e também em Santarém.

Deixe-nos o seu comentário pelo facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *